Artes

Como criar detalhes brancos nos desenhos? Veja as melhores técnicas e materiais

Entre as diversas possibilidades que envolvem a criação de desenhos realistas, um dos que geram mais dúvidas é como fazer detalhes brancos.

Eles podem ser usados com diversos objetivos, como ter um efeito de reflexo em metais, fios de barba ou cabelo, brilho na textura da pele, pontos de luz ou profundidade.

Mas, por onde começar?

Veja dicas para fazer detalhes brancos nos desenhos

O primeiro passo é escolher as ferramentas e materiais para se criar os detalhes brancos nos desenhos. Conheça as características dos principais tipos:

Boleador

Com ponta esférica de metal, o boleador é uma ferramenta útil para criar fios brancos, tanto para desenhos que tenham cabelo e/ou barba.

Você deve usá-lo da seguinte forma:

  • Com o papel em branco, use o boleador para desenhar os fios;
  • O acessório criará pequenos sulcos na folha;
  • Depois, pegue o lápis e faça o sombreado sobre os sulcos.

Como o grafite não adere ao sulco, os traços brancos serão formados. Essa é uma técnica rápida de ser aplicada em desenhos realizados e proporciona excelentes resultados.

Mas, uma dica: se a área do desenho tiver uma abrangência muito ampla, o boleador não é indicado. Também não é a melhor escolha para criar fios desfocados ou brilho na textura da pele.

Caneta borracha

Outra ferramenta utilizada por desenhistas de realismo é a caneta borracha.

Sua principal vantagem é que possui uma ponta bastante fina, ideal para criar detalhes brancos – como fios de cabelo – de forma suave e delicada.

Um truque para facilitar o trabalho é cortar a ponta em chanfro (formato diagonal), afinando ainda mais a ponta da caneta.

Além dos fios, a caneta borracha também é uma alternativa eficiente para criar brilhos em textura de pele, textura de tecido ou véu e retocar o efeito criado com boleador.

Também é um material ótimo para realçar detalhes no desenho criando pequenos pontos de brilho.

Caneta gel branca

Já a caneta gel branca é pouco usada para os desenhos feitos a lápis grafite. Seu uso é mais indicado nas criações com lápis de cor, até por sua característica pouco realista – normalmente, resulta em um efeito mais branco que o papel.

Se usada em um papel levemente amarelado, por exemplo, a caneta gel branca cria traços e pontos de luz em um tom levemente azulado.

Outro fator que limita um pouco seu uso é o fato deste tipo de caneta não abrir possibilidade de esfumar. Os traços, riscos ou pontos ficam “secos” e bem definidos.

Por isso, o uso da caneta gel branca é recomendado para criar pontos de luz intensos e que são impossíveis de criar com boleador ou caneta borracha.

Em compensação, funciona muito bem em imagens digitalizadas. Outra vantagem é o fato de ser um produto com variadas versões no mercado, sendo possível encontrar canetas com pontas de espessuras variadas.

Lápis branco

Outro material excelente para desenhos coloridos é o lápis branco. Além de suavizar o preenchimento de cor, ele também pode ser utilizado para iluminar algumas áreas de desenho.

Além de ser uma ferramenta assertiva para salientar reflexos da pele, o lápis branco também traz volume ao desenho.

Reservar o branco do papel

Aproveitar o próprio branco do papel é a forma mais tradicional de se criar detalhes brancos nos desenhos, especialmente quando se busca um visual natural e harmônico.

Para isso, basta apenas trabalhar as sombras ao redor para evidenciar brilho e dar volume aos traços.

A técnica traz bons resultados para criar fios de cabelo e/ou barba, textura de pele e até pontos de brilho.

Mas, afinal: qual é a melhor técnica para fazer detalhes brancos nos desenhos?

Agora que você já conhece quatro das técnicas mais utilizadas para criar detalhes brancos, qual é a mais indicada? A resposta não poderia ser outra: depende do desenho e do objetivo!

Conforme vimos no decorrer do artigo, cada uma das técnicas possuem vantagens e desvantagens, que variam de acordo com o objetivo do efeito que se quer criar.

O boleador, por exemplo, é ótimo para criar fios de barba em desenhos feitos com grafite, mas já não é a melhor alternativa para ter um efeito de textura de pele ou brilho em água.

Já a caneta borrada é excelente para se ter suavidade no traço, mas é preciso lembrar que ao apagar uma área que foi sombreada, esse espaço não voltará ao branco original do papel.

Para áreas muito amplas de detalhes em branco – como um cabelo totalmente grisalho – o branco do papel se destaca com a melhor escolha para um efeito realista.

Antes de fazer uma escolha definitiva, uma alternativa é testar todos os métodos e verificar qual funciona melhor em determinada situação.

Lembrando que nenhum material “exclui” o outro! Então, uma dica é aproveitar os benefícios de cada um e até combinar duas ou mais técnicas no mesmo desenho.

Onde encontrar materiais para criar detalhes brancos nos desenhos?

Se você está em busca de materiais para aperfeiçoar suas técnicas de desenho vai se apaixonar pelas possibilidades da Grafitti Artes.

A Grafitti é uma loja especializada em materiais para desenho, artesanato e pintura, oferecendo uma ampla variedade de produtos para todas as necessidades.

Clique aqui e conheça nosso portfólio de produtos.

Source: grafittiartes.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo